18 de Abril de 2016 Emerson

Texto:“E tinha um grande e alto muro com doze portas, e nas portas doze anjos, e nomes escritos sobre elas, que são os nomes das doze tribos dos filhos de Israel. Do lado do levante tinha três portas, do lado do norte, três portas, do lado do sul, três portas, do lado do poente, três portas. E o muro da cidade tinha doze fundamentos, e neles os nomes dos doze apóstolos do Cordeiro. E aquele que falava comigo tinha uma cana de ouro, para medir a cidade, e as suas portas, e o seu muro. E a cidade estava situada em quadrado; e o seu comprimento era tanto como a sua largura. E mediu a cidade com a cana até doze mil estádios; e o seu comprimento, largura e altura eram iguais. E mediu o seu muro, de cento e quarenta e quatro côvados, conforme a medida de homem, que é a de um anjo. E a construção do seu muro era de jaspe, e a cidade de ouro puro, semelhante a vidro puro. E os fundamentos do muro da cidade estavam adornados de toda a pedra preciosa. O primeiro fundamento era jaspe; o segundo, safira; o terceiro, calcedônia; o quarto, esmeralda; O quinto, sardônica; o sexto, sárdio; o sétimo, crisólito; o oitavo, berilo; o nono, topázio; o décimo, crisópraso; o undécimo, jacinto; o duodécimo, ametista.” (Apocalipse 21:12-20)

Verdade Central: Os 12 estão firmados sobre uma muralha muito alta e forte. Sobre eles não é permitido lixo algum. Os 12 devem ser límpidos, transparentes e firmes.

Introdução: O Senhor é Aquele que firma os 12 em fundamentos sólidos e firmes. Deus é bom! Ele é muralha no dia da angústia. Assim, também, Ele quer fazer de cada um dos 12 uma solidez.

Uma equipe firme, saudável

Todo líder quer ter uma equipe firme, saudável. Os 12 representam as 12 pedras mais depuradas do Planeta, que são chamadas hoje de pedras raras. São pedras identificadas como pedras preciosas, como raridade. Encontrar os 12 é fazer uma seleção.

Quando selecionamos pedras preciosas, não as selecionamos porque são parecidas, mas porque cada uma tem um valor, um brilho e uma cor diferente. Assim são os 12. Não se encontra 12 do mesmo tipo, da mesma cor, parecidos. Mas encontramos 12 que são como pedras firmes e fortes, pedras de fundamentos.

Juntos, os 12 formam uma equipe firme, saudável, somando as diferenças para viver no mesmo Reino e propagá-lo para contribuir com o seu acréscimo que não terá fim. Por isso, os 12 são um tipo de fundamento que nem sempre é preciso ser visto. Porém, mesmo sem ser visto, faz-se necessário que eles existam. Então, os 12 podem estar escondidos e guardados, afinal, não se encontram pedras preciosas em qualquer lugar, mas de uma forma ou de outra, terão de aparecer.

Fundamentos de pedras preciosas

Os 12 são fundamentos de pedras preciosas. Você que é 12 deve se alegrar, porque o mundo espiritual o respeita como preciosidade. O mundo das trevas sabe que você vale muito.

O alvo do mundo espiritual das trevas é mexer nos fundamentos, porque assim, todas as estruturas serão comprometidas. Cada um que é 12 ou que é candidato a ser 12 precisa entender que, no mundo espiritual, é precioso e de grande valor aos olhos de Deus e no mundo espiritual.

Os 12 elaboram um novo tempo, porque são fundamentos. Você é fundamento! Se você é 12 e estiver na condição de 12, precisará também de 12 camadas para sustentar o que será colocado, para sustentar o peso. É nesse momento que alguns dos 12 não aguentam. Na verdade, como 12, deve haver o entendimento de que você é capaz de suportar, de aguentar.

Como 12, você é uma pedra preparada para fundamento. A pedra de fundamento é pedra selecionada. A Bíblia diz que Jesus é a Pedra Angular, a Pedra de Esquina, o Fundamento. Quem for construído em Jesus nunca será demolido.

Ainda no texto de Apocalipse 21, os versos 19 e 20 expressam os materiais que representam cada um dos 12. “E os fundamentos do muro da cidade estavam adornados de toda a pedra preciosa. O primeiro fundamento era jaspe; o segundo, safira; o terceiro, calcedônia; o quarto, esmeralda; o quinto, sardônica; o sexto, sárdio; o sétimo, crisólito; o oitavo, berilo; o nono, topázio; o décimo, crisópraso; o undécimo, jacinto; o duodécimo, ametista.”

Os 12 são pedras preciosas, fundamentos diferenciados. Cada um tem seu valor, sua expressão e sua representatividade no Reino. Todas as pedras preciosas que o texto mostra são pedras provadas por fogo vulcânico.

A pedra preciosa é aquela que passa pelo vulcão e que nunca se dissolve. Deus diz que os 12, os fundamentos, as pedras que são estruturas de Jerusalém, passam pelo vulcão e, porque são pedras aprovadas, sobrevivem. Eles não serão abalados nem removidos do lugar em que estão.

Os 12 são firmes

Tudo pode parecer desmoronando, mas as pedras estão firmes, os 12 são firmes. De igual modo, tudo que for construído a partir dos 12, a partir de você não será destruído. Quando Deus nos olha, Ele nos vê como estrutura sólida. É verdade que alguns 12 passam por dificuldades maiores que outros. Outros passam por experiências mais profundas. Isso ocorre porque não podemos esquecer que cada um tem uma estrutura diferente.

Porém, embora diferentes, com resultados diferentes, os 12 são fortes. Deus pegou diferentes resultados, diferentes pedras para fazer algo forte na estrutura. E porque os 12 estão firmados na Rocha, não haverá vulcão ou tempestade que consiga destruí-los.

Porque os 12 são firmes, eles são aliados de Deus para uma grande construção. Os 12 trabalham sem esquecer que Quem está no Trono é o Cordeiro, Jesus. Jesus é a Pedra que não pode ser quebrada, nem vencida, antes Ele venceu tudo e todos. Jesus nos limpou e redimiu. Ele entrou no inferno e tomou o meu e o seu lugar e trouxe as chaves da morte e do inferno, pois é fogo que consome e purifica (Apocalipse 1:18).

Como 12, você precisa assumir a sua identidade no mundo espiritual. São 12 pedras que formam o fundamento. Os 12 são límpidos e puros. Eles podem ter cores diferentes, ter sido depurados de forma diferente, mas quando se juntam nas estruturas ninguém pode quebrar e vencer.

A Visão Celular tem um Modelo, os 12. E os 12 não caminham sozinhos, soltos; eles têm um Centro, Jesus. O centro do propósito é Yeshua. Ele está sobre os 12, sobre os muros de proteção.

Você, firmado em Jesus, pode expressar a vida dEle na vida de outros para que o Nome de Yeshua seja exaltado em todas as nações. Juntos, os 12 têm a função de propagar o Evangelho do Reino e o seu acréscimo que não terá fim. Jamais podemos nos esquecer desta verdade tão consolidadora.

Jesus está sobre a estrutura, Ele está sobre os 12, sobre a cobertura e acima de todos e de tudo. Por isso, ao Seu Nome seja honra, glória, louvor, domínio, majestade e poder para sempre e sempre. Amém.

Extraido: http://www.mir12.com.br/br/2016/estudos/12/581-12-uma-pedra-preciosa